Total de visualizações de página

Meus Anjos Seguidores!!

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011




"A alegria reflete o frescor
de tudo que é novo.
Está sempre pronta para extrair
o que há de bom em tudo,
com a leveza de uma criança
e a genialidade de um sábio"

(desc. o autor)

domingo, 30 de janeiro de 2011


As vezes amanheço...

E minha alma está úmida...

Soa, ressoa o mar distante...

Isso é um porto...

Aqui eu te amo...



(Pablo Neruda).


"Que a estrada se abra à sua frente,
Que o vento sopre levemente em suas costas,
Que o sol brilhe morno e suave em sua face,
Que a chuva caia de mansinho em seus campos,
E, até que nos encontremos, de novo...
Que Deus lhe guarde nas palmas de suas mãos!"

(Prece Irlandesa)
"Conservar algo que possa recordar-te
seria admitir que eu pudesse esquecer-te."

✔William Shakespeare✔

"Sairei de mim mesmo em busca

das melodias esquecidas na memória,

em busca dos instantes de total abandono e beleza,

em busca dos milagres ainda não acontecidos...."


__Vinicius de Moraes__




“Não é necessário mostrar beleza a cegos,
nem dizer verdades aos surdos,
mas nunca minta pra quem te escuta,
e nem decepcione os olhos
de quem te admira.
O fim nem sempre é o final.
A vida nem sempre é real .
A roda nem sempre é gigante.
O passado nem sempre passou.
O presente nem sempre ficou
O hoje nem sempre é agora
O tempo?
O tempo não pára!!”
“Aproveite a cada instante de sua vida como se fosse único”

(desc. o autor - Texto retirado da internet)

"Se é pra aquecer
que eu me faça sempre fogo.
Se é pra amanhecer,
que me permita ser sempre verão…
Se é pra recomeçar
que eu me sinta sempre dia,
Se é pra iluminar
que eu me veja sempre sol....
e se eu me estilhaçar
que possam me transformar em estrelas
Porque se é pra viver
que seja sempre de explosões
e se for pra arder
que seja sempre de Amor..."

(desonheço o autor)



"Ela descobriu que precisava dele, e isso a deixava desesperada..
Queria continuar amando-o, mas sem precisar tão violentamente dele.."

(Clarice Lispector)
Gente fico tão Emocionada com o carinho de minhas amadas Amigas!
Esse foi presente da {morena}_Domme Nice!

Amo voce pequena!!!!
Muitoooooo!!!!!




1-) Quanto tempo de BDSM?

Estou no BDSM a quase 3 anos e meio, e me sinto totalmente em casa!


2-) Como foi seu primeiro ano no BDSM?

Nossa, uma maravilha, queria conhecer tudo, saber mais, tinha sede de conhecimento, como até hoje tenho, mas tive duas pessoas que me ajudaram muito e a cada dia ia me maravilhando com tudo que me era apresentado.


3-) A primeira pessoa que você conheceu, você se lembra?

Claro, jamais poderia esquecer pois é uma das pessoas que cito acima.
Foi minha primeira e ETERNA DONA, foi ela que me apresentou esse mundo maravilhoso, ela que primeiro de adestrou, me treinou e me ensinou a servir, devo TUDO a Ela!


Perguntas respondidas, agora escolher os blogs:

Bom gente fica difícil de escolher, pq o meu blog nao é tao conhecido assim, eu conheço e sigo a vários, mas verifiquei que todos já tem o Selinho, então, se vc meu amigo(a) blogueiro(a) ainda nao tiver esse Selo, por favor sinta-se à vontade e pegue por favor, És merecedor dele tenha certeza!

Beijos Carinhosos!


Elís.

sábado, 29 de janeiro de 2011



Se um dia

Se um dia você entender
o que meus olhos dizem ...
Se um dia você escutar
o que meu coração
tem para te falar ...
Se um dia você penetrar
Na minha alma ...
Se um dia você mergulhar
Na imensidão do meu ser ...
Talvez neste dia você
Passe a me conhecer ...
E neste dia entender,
Porque não há explicação,
Para o amor que sinto.

(autor desconhecido)

Nada te perturbe,

nada te amedronte.

Tudo passa,

a paciência tudo alcança.

A quem tem Deus nada falta.

Só Deus basta!

(Sta Tereza)

segunda-feira, 24 de janeiro de 2011

Meu segundo Selinho!!!!!!
Obrgada Domme Nice, Sua Amizade
é muito importante para mim!

bjusssssss!

domingo, 23 de janeiro de 2011


"Se o seu coração é capaz de sentir os seus
sonhos e se você os deseja realmente,
não se desespere por nada;
pois quando você olhar
as estrelas brilhando no céu, acredite:
esse é o momento em que os seus sonhos
poderão ser verdadeiros."

Desconheço o autor, retirado do meu orkut,
recebido de uma linda amiga!)


De um lugar que não se alcança,
e que é, no entanto, claro,
minha verdade, sem troca,
sem equivalência
nem desengano
permanece constante,
obrigatória, livre:
enquanto aprendo,
desaprendo e torno a aprender.

Cecília Meireles)


MURMÚRIO

Traze-me um pouco das
sombras serenas
que as nuvens transportam
por cima do dia!
Um pouco de sombra, apenas,
-vê que nem te peço alegria.
Traze-me um pouco da
alvura dos luares
que a noite sustenta
no teu coração!
A alvura, apenas, dos ares:
- vê que nem te peço ilusão.
Traze-me um pouco da tua
lembrança, aroma perdido,
saudade da flor!
- Vê que nem te digo-
-esperança!
- Vê que nem sequer
sonho - amor!

Cecília Meireles

Alfabeto do Amigo


Aceita você como você é.

Bota fé em você.

Chama-o ao telefone só pra dizer oi.

Dá-lhe amor incondicional.

Ensina-lhe o que sabe de bom.

Faz-lhe favores que os outros não fariam.

Grava na memória bons momentos passados com você.

Humor não lhe falta pra fazer você sorrir.

Interpreta com bondade tudo o que você diz.

Jamais o julga, esteja você certo ou errado.

Livra-o da solidão.

Manda-lhe pensamentos de ternura e gratidão.

Nunca o deixa em abandono.

Oferece ajuda quando vê sua necessidade.

Perdoa e compreende suas falhas humanas.

Quer vê-lo sempre feliz.

Ri com você e chora quando você chora.

Sempre se faz presente nos momentos de aflição.

toma suas dores e evita que o maltratem.

Um sorriso seu basta para fazê-lo feliz.

Vence o inimigo invencível junto com você.

Xinga e briga por você.

Zela, enfim, pela jóia que você representa.

sábado, 22 de janeiro de 2011


“Amar não é apoderar-se do outro
para completar-se,
mas dar-se ao outro
para completá-lo. ”

(Lao-Tsé)


Eu acredito nos encontros!
As borboletas sempre voltam...

Eu acredito em conspiração!
Os ventos sempre sopram...

Eu acredito em Deus!
O céu sempre me sorriu...

Eu acredito em meu pai!
A casa sempre tão infantil...

Eu acredito na pureza!
O olhar sempre limpo!

Eu acredito na verdade!
A palavra sempre reta!

Eu acredito na força interior!
A dor é sempre suportada!

Eu acredito em renascimento!
A alma é sempre renovada!

Eu acredito nas pessoas...
O sorriso sempre insistirá!

Eu acredito no amor...
O sublime sempre reinará!


Eu acredito em mim!
Minha luz sempre brilhará!

(autor desconhecido, retirado do meu orkut, mensagem recebida pela amiga Rosa Gandine)

sexta-feira, 21 de janeiro de 2011

Meu primeiro Selinho!!
Dado por Sub Flor de Cristal_{LB}
Obrigada Amiga linda!
Fiquei Emocionada!
Xeru no suvaco viu!!!



Regras do Selo:

1. Repassar o selo a 15 blogs e avisar.

2. Responder às perguntas:





Nome: Menina Elís.

Humor: Sou muito Moleca

Uma cor : Preto e Rosa- rsr Adoroooo ..nao sei pq ...rss..


Uma estação: Inverno ... meu Ceará é Sol 99% do Ano rsrsrsrs


Como prefere viajar : Nunca viajo, vou sair de ferias agora no início de Fevereiro e irei de avião, Tenho certeza que vou adorar ver as nuvens e o céu tão pertinho...se pudesse levava um pote transparente e pegava um pouco das nuvens, rsrsrsr (sonho)

Um seriado : Grey's Anatomy Afffffffff, não há melhor rsrs


Frase ou palavra mais dita por vc : ''Xeru no suvaco'' rsss..coisa de cearence rsrsrs




O que achou do selo : Nossa um lindo presente, nao imaginava ganhar um e sendo logo da Cristal linda minha Rosa mais linda!!!
Aff xoreiiii (sou manteiga derretida) kkk


Blogs indicados: Dificil fazer isso sem deixar pessoas queridas de fora ate pq são apenas 15 que seriam indicados ..,sendo assim


quero dedicar esse selinho a todas as minhas amigas seguidoras do meu Blogger e do


orkut sintam-se presenteadas com esse carinho ...

Titanic por julio silpitucla

Esse guri é um espetáculo!
Vale a pena conferir!

Beijos meus Amores!!

Elís.

segunda-feira, 17 de janeiro de 2011


As razões de Deus...

Deus permitiu a saudade
Pra que a gente
Se lembre
Daqueles que amamos...
Permitiu o sonho
Pra que a gente não desista
Do que planejamos...
Permitiu a lágrima
Porque está ao nosso lado
Quando sorrimos ou choramos.


__Sirlei L. Passolongo__

sábado, 15 de janeiro de 2011


Meus desejos pra sua semana...
 
"Bolinhas de sabão.
O som de copos com água.
O som das gotas no chão.
Um sorriso tímido.
A música por trás dos ruídos.
Um coração encostado no outro.
Um ou dois para sempres.
Um avião nas mãos de um menino.
Um barquinho de papel.
Uma pipa atravessando as nuvens.
Uma sementeira de tulipas.
Um mingauzinho de aveia.
Um par de meias listradas.
Dois ou três cata-ventos.
Uma palavra inventada."

Rita Apoena

sexta-feira, 14 de janeiro de 2011


Nada mais contraditório do que ser mulher...
Mulher que pensa com o coração,
age pela emoção e vence pelo amor.
Que vive milhões de emoções num só dia
e transmite cada uma delas, num único olhar.
Que cobra de si a perfeição e vive
arrumando desculpas para os erros,
daqueles a quem ama.
Que hospeda no ventre outras almas,
dá a luz e depois fica cega,
diante da beleza dos filhos que gerou.
Que dá as asas, ensina a voar mas
não quer ver partir os pássaros,
mesmo sabendo que eles não lhe pertencem.
Que se enfeita toda e perfuma o leito,
ainda que seu amor nem perceba
mais tais detalhes.
Que como uma dona de poderes
mágicos transforma em luz e sorriso
as dores que sente na alma,
só pra ninguém notar.
E ainda tem que ser forte, pra dar os
ombros para quem neles precise chorar.
Feliz do homem que por um dia souber,
entender a alma da mulher !!!

(desconheço o autor, poema retirado da Internet)

Esperança

Nunca deixe de sonhar...
Porque o sonhar, é viver!
Nunca deixe de amar...
Porque o amor, é a essência da vida!

- Poeta Dolandmay -

Amigo é quem te dá um pedacinho do chão, quando é de terra firme que você precisa, ou um pedacinho do céu, se é o sonho que te faz falta.

Amigo é mais que ombro amigo, é mão estendida, mente aberta, coração pulsante, costas largas. É quem tentou e fez, e não tem o egoísmo de não querer compartilhar o que aprendeu. É aquele que cede e não espera retorno, porque sabe que o ato de compartilhar um instante qualquer contigo já o alimenta, satisfaz. É quem já sentiu ou um dia vai sentir o mesmo que você. É a compreensão para o seu cansaço e a insatisfação para a sua reticência.

É aquele que entende seu desejo de voar, de sumir devagar, a angústia
pela compreensão dos acontecimentos, a sede pelo "por vir". É ao mesmo tempo espelho que te reflete, e óleo derramado sobre suas águas agitadas. É quem fica enfurecido por enxergar seu erro, querer tanto o seu bem e saber que a perfeição é utopia. É o sol que seca suas lágrimas, é a polpa que adocica ainda mais seu sorriso.
Amigo é aquele que toca na sua ferida numa mesa de chopp, acompanha suas vitórias, faz piada amenizando problemas. É quem tem medo, dor, náusea, cólica , igualzinho a você. É quem sabe que viver é ter história pra contar. É quem sorri pra você sem motivo aparente, é quem sofre com seu sofrimento, é o padrinho filosófico dos seus filhos. É o achar daquilo que você nem sabia que buscava.
Amigo é aquele que te lê em cartas esperadas ou não, pequenos bilhetes em sala de aula, mensagens eletrônicas emocionadas. É aquele que te ouve ao telefone mesmo quando a ligação é caótica, com o mesmo prazer e atenção que teria se tivesse olhando em seus olhos.
Amigo é multimídia. Olhos....

Amigo é quem fala e ouve com o olhar, o seu e o dele em sintonia telepática. É aquele que percebe em seus olhos seus desejos, seus disfarces, alegria, medo. É aquele que aguarda pacientemente e se entusiasma quando vê surgir aquele tão esperado brilho no seu olhar, e é quem tem uma palavra sob medida quando estes mesmos olhos estão amplificando tristeza interior. é lua nova, é a estrela mais brilhante, é luz que se renova a cada instante com múltiplas e inesperadas cores que cabem todas na sua íris.

Amigo é aquele que te diz "eu te amo" sem qualquer medo de má interpretação:
Amigo é quem te ama "e ponto".
É verdade e razão, sonho e sentimento.
Amigo é pra sempre, mesmo que o sempre não exista.

quinta-feira, 13 de janeiro de 2011


Aceitar as Diferenças

Aceitar as diferenças é conhecer a verdade ...
Abrindo uma porta para a felicidade !
Aceitar as diferenças é banir a ignorância ...
Abrindo as leves janelas da tolerância !

Aceitar as diferenças é cicatrizar uma ferida ...
Deixando a vida cinzenta um pouco mais colorida !
Aceitar as diferenças é sentir a brisa da solidariedade ,
Que refresca de um jeito suave de verdade !

Aceitar as diferenças é quebrar as correntes ...
Malvadas , cruéis , impiedosas e carentes ...
De um bruxo ruim chamado preconceito !
Aceitar as diferenças é saber que não há defeitos ...

E , sim pequenas travessuras da natureza ,
Que deseja um mundo cheio de beleza !
Aceitar as diferenças é dar uma chance à amizade ,
Que sempre vem com o doce sabor da caridade !

Aceitar as diferenças é conhecer a verdade ...
Abrindo uma porta para a felicidade !
Aceitar as diferenças é banir a ignorância ...
Abrindo as leves janelas da tolerância .

Luciana do Rocio Mallon .


...Ao movimento do corpo...
ao atento sentimento
ao milagre do momento
me banhando ao doce vento
coisas que nunca comento
momentos que trazem alento
e que me deixam mais lento
...Ao movimento do corpo...
que me torna linda
onde a tarde finda
mesmo que ainda
seja só o um movimento ...

(Desconheço o autor - Retirado do Orkut da {Justine})

O corpo pulsante
Geme a vontade contida

O suor que insiste em correr
No meu corpo não consegue
Gelar meu desejo

O cheiro de sexo que se anuncia
É solitário
Quase pungente
Espera o outro sexo
O suor d´outro corpo
A cadência d´outra vontade

O corpo que insiste
Em percorrer trilhas já visitadas
Esquece que sozinho
Simplesmente não entende da arte
Que sozinho não arde

Mas solitário
Quase violento
Busca superar
O insuperável
Geme
Agora de dor

Fiz forte
De forma quase implacável
À espera de apagar as tuas marcas
Do meu corpo

Mas ele não se esquece
Cobra-me a conta
Que me é cara por hora

Estou condenada
A seguir errante
E em cada êxtase de libertação
Lembrar-me cada vez mais ...

(desconheço o autor - texto retirado do orkut da {Justine})

Sufoca-me a vontade de gritar ao mundo que estou viva e ainda presente neste meu papel.Neste papel que represento sem saber as próximas falas...

Não sou folha amarelada caída da árvore....

Não sou mar sem ondas....

Não sou céu sem lua e sol...

Por vezes pode ser para ti difícil de me entenderes...mas nunca o tentes...por aí te vais perder em labirintos que não te levarão a lado nenhum....

Quando deres por ti...eu já passei para uma nova estação...

Caminho suavemente neste jardim, onde hoje o Outono nasce...onde me encontro com o meu eu...e desdenho meus pensamentos secretos...

Adormeci de mim á tanto tempo....

Não me acordes!!!

(desconheço o autor - Retirado do Orkut da {Justine})

A mulher que habita em mim
Te deseja com paixão
Te espera toda manha na ânsia louca
De te amar por um instante
Ah..essa mulher que você desconhece
Mas que faz teu centro acordar
É devassa, é felina, tigresa
Loba no cio ...querendo te amar
A mulher que habita em mim
Se molha em te desejar
Anseia tua língua quente
Em meus meios passear
A mulher que habita em mim
É louca na tua cama
Grita, geme, uiva
Te engole, te recebe, te ama
E assim espero toda manha
Teus carinhos e desejos receber
Me fartar do teu tesão
Viver no teu prazer
Homem que me domina
Que me deixa sem sentido
Me leva a loucura pelas manhas
Tira-me a roupa, tira-me o juízo
Vem...me rasgue a roupa
te quero dentro
Não tarde em chegar
Não suporto mais esse tormento

(desconheço o autor - Retirado do Orkut de {Justine})

Lençóis...Pra quê ?


Pra que serve lençóis, se jogados ao chão
deixa meu corpo em flerte num frenesi desajeitado?
O silencio incomoda,arranca meus gemidos
crava-me os dentes...te deixo entrar em mim

Eles, brancos de algodão na entrega dos nossos corpos
ficam rubros, envergonhados,invejosos ... ficam molhados
Desvenda-me.Mudo rotas, mudo caminhos
Nos lençóis cravo as unhas...corpos em desalinho

Nos alvos lençóis teu cheiro permanece
Denunciam com o gozo detalhes do nosso amor
Perfeição de prazer na pele macia
As manchas nos lençóis, nosso amor estampou!

Lençóis...pra que ?

(desconhço o autor - Retirado do Orkut da {Justine})

Ah desejo latente que domina meu corpo.
vontade louca de me perder em Teus braços,
completamente entregue aos
desejos deste que me encanta.
Sentia-me sem vontade de viver,
mergulhada em minhas feridas,
e eis que adentra em meu peito uma nova esperança.
O amor que o Criador havia me reservado, escolhido e
esperado para me presentear!
Vem tomar posse deste coração,
que cansado ja nao tem forças para lutar!

{Elís - 11/01/2011}

COM A FRONTE VOLTADA PARA O CHÃO

Com a fronte voltada para o chão e o pensamento alto,
ia eu andando, andando,
e na senda do tempo
se lançava minha vida em busca de um desejo.
Junto ao caminho cinzento
vi uma vereda em flor
e uma rosa
cheia de luz, cheia de vida
e de dor.
Mulher, flor que se abre no jardim:
as rosas são como tua carne virgem,
com sua fragrância inefável e sutil
e sua nostalgia da tristeza.

Poemas Esparsos
Federico Gracía Lorca

===> Achei lindo, retirei do Orkut
na página de Mestre Sadico Aritana.

domingo, 9 de janeiro de 2011




Tudo é Amor


Vida - É o Amor existencial.

Razão - É o Amor que pondera.

Estudo - É o Amor que analisa.

Ciência - É o Amor que investiga.

Filosofia - É o Amor que pensa.

Religião - É o Amor que busca Deus.

Verdade - É o Amor que se eterniza.

Ideal - É o Amor que se eleva.

Fé - É o Amor que se transcende.

Esperança - É o Amor que sonha.

Caridade - É o Amor que auxilia.

Fraternidade - É o Amor que se expande.

Sacrifício - É o Amor que se esforça.

Renúncia - É o Amor que se depura.

Simpatia - É o Amor que sorri.

Altruísmo - É o Amor que se engrandece.

Trabalho - É o Amor que constrói.

Indiferença - É o Amor que se esconde.

Desespero - É o Amor que se desgoverna.

Paixão - É o Amor que se desequilibra.

Ciúme - É o Amor que se desvaira.

Egoísmo - É o Amor que se animaliza.

Orgulho - É o Amor que enlouquece.

Sensualismo - É o Amor que se envenena.

Vaidade - É o Amor que se embriaga.

Finalmente, o ódio, que julgas ser a

antítese do Amor, não é senão o próprio

Amor que adoeceu gravemente.


(Francisco Cândido Xavier)

=====> Concordo Plenamente .


Escuta
Quero traduzir em versos
o que despertou em meu peito
Um cheiro doce de primavera
e uma paz de fim de tarde

Veja
Abriu uma brecha no meu mundo
um desejo move meus sentidos
e um reflexo quase púrpura
dilata minha pupila

Sinta
é meu coração que te chama


- Lou Witt -



A maturidade me permite olhar com menos ilusões..
aceitar com menos sofrimento..
entender com mais tranquilidade..
querer com mais doçura..


(Lya Luft)

sexta-feira, 7 de janeiro de 2011

TORNERO



"Que eu não perca a capacidade de amar, de ver, de sentir. Que eu continue alerta.
Que, se necessário, eu possa ter novamente o impulso do vôo no momento exato."

(Caio Fernando Abreu)
Retirado do blog da Desirelle.

Indico esse blog, é um dos mais belos que ja vi!
Já faz parte de meus favoritos!

quarta-feira, 5 de janeiro de 2011

segunda-feira, 3 de janeiro de 2011


Traze-me

Traze-me um pouco das sombras serenas
que as nuvens transportam por cima do dia!
Um pouco de sombra, apenas,
- vê que nem te peço alegria.
Traze-me um pouco da alvura dos luares
que a noite sustenta no teu coração!
A alvura, apenas, dos ares:
- vê que nem te peço ilusão.
Traze-me um pouco da tua lembrança,
aroma perdido, saudade da flor!
-Vê que nem te digo - esperança!
-Vê que nem sequer sonho - amor

(Cecília Meireles)

Sonhe com aquilo que você quiser
Seja o que você quer ser,
porque você possui apenas uma vida e nela só se tem uma chance
de fazer aquilo que quer.

Tenha felicidade bastante para fazê-la doce.
Dificuldades para fazê-la forte.
Tristeza para fazê-la humana.
E esperança suficiente para fazê-la feliz.

As pessoas mais felizes não têm as melhores coisas.
Elas sabem fazer o melhor das oportunidades que aparecem em seus caminhos.

A felicidade aparece para aqueles que choram.
Para aqueles que se machucam.
Para aqueles que buscam e tentam sempre.
E para aqueles que reconhecem a importância das pessoas que passam por suas vida

Clarice Lispector
Noções

Entre mim e mim, há vastidões bastantes
para a navegação dos meus desejos afligidos.

Descem pela água minhas naves revestidas de espelhos.
Cada lâmina arrisca um olhar, e investiga o elemento que a atinge.

Mas, nesta aventura do sonho exposto à correnteza,
só recolho o gosto infinito das respostas que não se encontram.

Virei-me sobre a minha própria experiência, e contemplei-a.
Minha virtude era esta errância por mares contraditórios,
e este abandono para além da felicidade e da beleza.

Ó meu Deus, isto é minha alma:
qualquer coisa que flutua sobre este corpo efêmero e precário,
como o vento largo do oceano sobre a areia passiva e inúmera...

Cecília Meireles